quarta-feira, 27 de agosto de 2014

deixando decantar, o que turva...e enxergando melhor :)

Ontem mesmo, ainda abençoada por constatações do ultimo encontro com a minhas amigas (só quem nos conhece há bastante tempo pode bem avaliar o que a vida fez conosco e como reagimos e seguimos), reafirmei a importância de deixar PASSAR...o que é bem bonito, por que "tudo passa, tudo passará" (né Nelson Ned?)
E aí hoje pela manhã, carimbando a certeza, esse baita conselho do Tarot
"a importância de deixar ir

Cultivar o desapego é um dos conselhos fundamentais dado pelo arcano chamado “O Ceifador”, Nadia. Existem momentos da vida em que somos desafiados a perder cascas, a compreender a importância de caminhar, deixando paisagens para trás. Ainda que isso doa, uma vez que nosso ego se estrutura a partir de apegos e identificações, é a compreensão meditativa de que tudo passa que lhe permitirá seguir caminhando e, enfim, abrir-se ao novo que belamente se introduz em sua vida, pouco a pouco, passo a passo, até que você apareça com a alma totalmente renovada. Procure se interiorizar neste momento, evitando grandes atividades sociais. Faça este contato com o núcleo da sua alma e você entenderá quais são as coisas que precisam ser deixadas para trás.

Conselho: Viver é perder cascas continuamente!"
Que assim seja estar na vida plenamente é um presentão 


"já tive dias piores 
e dores muito maiores 
e sobrevivi a tudo, 
como um parto 
ou um susto, 
o depois 
acalma a dor "

Nenhum comentário: