sexta-feira, 11 de março de 2011

ação e reação

"...O pensamento indígena conclui que, tendo outrora sido humanos, os animais e outros seres do cosmo continuam a ser humanos, mesmo que de modo não evidente.
Se tudo é humano, nós não somos especiais; esse é o ponto...E, ao mesmo tempo , se tudo é humano, cuidado com o que você faz, por que, quando corta uma árvore ou mata um bicho, você não está simplesmente movendo particulas de matérias de um lado para o outro, você está tratando com gente que tem memória..."se vinga, contra-ataca, e assim por diante. Como tudo é humano, tudo tem ouvidos, todas as ações têm consequência
"
Parte da entrevista pra Cult do antropólogo Eduardo Viveiros de Castro e que lembrei ao ver as cenas tristes no Japão...

Nenhum comentário: